Published On:
Posted by Redação Online

Saúde Pública é debatida em Conferência Municipal


A Prefeitura de Itaberaba, através da Secretaria de Saúde e do Conselho Municipal de Saúde, está realizando um dos mais importantes debates públicos sobre a Saúde: a VI Conferência Municipal de Saúde de Itaberaba. Um espaço aberto, através do qual os poderes Executivo e Legislativo, juntamente com a sociedade civil organizada, discutem os avanços e as novas propostas para a saúde pública da cidade.
A solenidade de abertura do evento ocorreu na Câmara de Vereadores, nesta quarta-feira, 27, e as atividades da Conferência serão realizadas nesta quinta-feira, no Espaço Cultural Zumbi dos Palmares. A VI Conferência tem como tema ‘Saúde Pública de Qualidade para Cuidar das Pessoas’.
Com base na avaliação da secretária de Saúde Denize Mary, esse é o momento de avaliar o que já foi conquistado pela Saúde nos últimos anos e o que ainda é um desafio para o setor. Ela destaca que ainda é pequeno o número de participantes na Conferência.
No setor da Atenção Básica, a secretária destaca como desafios a implantação do Programa Mais em Casa, a Academia da Saúde e o serviço de Odontologia Móvel. O principal avanço nessa área é a expansão do atendimento para a Zona Rural, com a implantação de três novas Unidades de Saúde.
Na Média e Alta Complexidade o grande avanço é a manutenção do funcionamento do HGI, a ampliação do atendimento através da implantação do Centro Médico de Especialidades – CME -, e o Centro Especializado de Reabilitação - CER 2 -, que atende à reabilitação física e intelectual. Já o desafio neste patamar da Saúde é a implantação do CAPS AD - Álcool e Drogas.
No que se refere à Urgência e Emergência, Denize Mary pontua como desafio, a implantação da UPA, da Rede Cegonha, com a Casa de Parto Natural e do SAMU. Os avanços são: a Central de ambulância e a Central de Regulação.
“Essa é a nossa avaliação de avanços e desafios. E este é o momento de ouvirmos a avaliação da população. Esta é a hora de participar e deixar a colaboração na construção desse processo. Nossos maiores desafios estão com Projetos prontos e encaminhados para o Governo Federal, dependendo apenas da liberação dos recursos do Ministério da Saúde”, enfatiza a secretária.
O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Luiz Fernando Salles, ressalta a importância da participação do povo na Conferência, assim como os avanços conquistados através das ações do Conselho. Ele espera que as mesas de debate desta quinta-feira, sejam marcadas pela participação da comunidade.
A vice-prefeita Maria José Santos Novais acredita que este seja um dos mais importantes eventos, onde a participação popular é fundamental para os resultados. “Esperamos que das propostas aqui saiam grandes iniciativas que vão fazer parte do debate estadual e nacional”, diz.
Também marcaram presença no evento os profissionais que trabalham no Mais Médico, servidores da Saúde, o procurador do município, Murilo Ribeiro, a presidente da Casa dos Conselhos, Railda Oliveira e a representante da Pastoral da Criança, Viviane Conceição dos Santos Silva. 


Posted by Redação Online 14:54:00. . .

Redação Online 14:54:00. . .