Published On:
Posted by Redação Online

Muricy Ramalho deixa o São Paulo por problemas de saúde



Muricy Ramalho não é mais técnico do São Paulo. O treinador soube nesta segunda-feira que seu estado de saúde é mais grave do que parecia e deve ser operado na próxima semana para retirada de pedra na vesícula. A derrota contra o Botafogo por 2 a 0, domingo, em Ribeirão Preto, deixou Muricy balançando no comando, cuja saída foi sacramentada nesta segunda à tarde em reunião com a diretoria. 
Pelos próximos quatro jogos, o São Paulo será comandado pelo auxiliar Milton Cruz. Em nota oficial, Muricy ressaltou a necessidade de se afastar do futebol em virtude de problemas de saúde.
"O presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, o Vice-Presidente de Futebol, Ataíde Gil Guerreiro, e eu nos reunimos agora à tarde e decidimos pela minha saída do clube. Estou com problemas de saúde, devo fazer uma cirurgia na próxima semana e preciso desse tempo que o São Paulo não tem no momento. Quero agradecer ao presidente, aos jogadores, os funcionários do clube, os meus companheiros de comissão técnica e, principalmente, aos torcedores que entendem esse meu momento. Preciso nesse momento dos devidos cuidados com a minha saúde. Não é um adeus, é um até breve pela relação que tenho com o São Paulo Futebol Clube. Desejo muito sorte a todos", disse Muricy.
Ao Blog do Perrone, o presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, conta que adecisão foi em comum acordo.
"A saída foi decidida de comum acordo, eu continuo tendo o Muricy como meu técnico, mas não posso ser injusto a ponto de colocar tudo acima da própria saúde dele. O mais importante é ele se tratar, cuidar da saúde, descansar. As portas do SPFC sempre estarão abertas para um técnico e uma pessoa como ele. É um ídolo!"
O vice de futebol do São Paulo, Ataíde Gil Guerreiro, informou no fim de março que o clube pretendia contratar um técnico europeu para a sucessão de Muricy. No entanto, o dirigente disse nesta segunda-feira que um técnico europeu recusou convite do São Paulo minutos depois da confirmação do desligamento de Muricy. 
"O técnico estrangeiro não poderá vir. Ele informou que não pode sair no momento. Então o meu projeto foi por água abaixo", disse Ataíde, sem citar o nome do treinador estrangeiro que estava nos planos tricolor.

Posted by Redação Online 12:43:00. . .

Redação Online 12:43:00. . .